sábado, 28 de novembro de 2009

Idéias Interessantes - Plástico







Doce de Casca de Mexerica

Lave bem a casca antes de descascar.
Colocar a casca de molho em água por 2 dias na geladeira e trocar a água a cada dia.
Colocar para ferver em água por 2 vezes, também trocando a água.
Reservar as cascas, acrescentar a calda e servir gelado

Doce de Casca de Banana

Ingredientes
5 copos de cascas de banana nanica, bem lavadas e picadas
2 copos e meio de açúcar
Preparo
Cozinhe as cascas, em pouca água, até amolecerem. Retire do fogo, escorra, reserve o caldo do cozimento e deixe esfriar. Bata as cascas e o caldo no liquidificador e passe por uma peneira grossa. Junte o açúcar e leve novamente ao fogo baixo.
Mexa sempre, até o doce desprender do fundo da panela.

Idéias Interessantes - PET

* Enviado por Renata Bressan

Creative Review e a embalagem plástica que dissolve na água

A edição de novembro da revista Creative Review, conta com um detalhe revolucionário para o meio-ambiente: uma embalagem plástica que dissolve na água.
Você recebe a revista, tira do plástico e faz o lixo desaparecer ralo abaixo. O material hidro-degradável não contém resíduos tóxicos, e segundo a CR, você pode até beber a água (apesar do gosto horrível).
A embalagem foi desenvolvida pela empresa britânica Cyberpac. Saiba mais detalhes no site da CR.


* Enviado por Alberto Lima


sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Suco de casca de maçã

Ingredientes
6 maçãs
1 litro de água
Açúcar a gosto

Modo de preparo
Lavar bem as maçãs e depois decascá-las. Levar ao fogo as cascas e a água para ferver. Bater no liquidificador, coar e adoçar a gosto. Completar com água gelada.

Imã de geladeira feito de latinha

Material necessário
1 lata vazia de refrigerante (ou cerveja);
Tesoura de ponta fina e tesoura normal;
Lixa;
Alicate de bico (tipo para bijuteria);
Gancho para chaveiro;
Base para metais (Primer);
Tinta acrílica (nas cores cinza, branca, verde, preta e rosa);
Pincel de cerdas finas nº14 e pincel de cerdas finas nº4.

Execução
Corte o fundo da latinha no formato que você deseja fazer o bichinho ou a carinha;
Lixe as laterais e toda a latinha cortada; Passe a base na cor areia e deixe secar;
Depois pinte com a tinta acrílica na cor desejada do gatinho. Deixe secar; Pinte os olhos, o nariz, a boca e detalhes. Deixe secar; Coloque o gancho para chaveiro, se desejar.

Cestaria com Jornal

Material necessário
Jornal (ou revista)
Tesoura
Verniz

Etapas
Corte uma folha inteira de jornal em quatro partes, ao comprido. Enrole cada uma das quatro partes a partir da ponta, na diagonal, para fazer os canudos de jornal.
Dica: deixe uma das pontas do canudo mais apertada que a outra.
Separe sete canudos de jornal para começar a trançar.
Coloque na mesa ou bancada quatro canudos (canudos 1 a 4), um ao lado do outro, com uma distância de aproximadamente 2 cm entre eles.

Trançando
Pegue o canudo 5 e comece a trançar perperdicularmente aos outros quatro, na porção central. Passe por cima do canudo 1, por baixo do canudo 2, por cima do canudo 3 e por baixo do canudo 4.
Pegue o canudo 6 e repita a operação, dessa vez começando por baixo do canudo 1, por cima do 2, por baixo do 3 e por cima do 4.
Trance o canudo 7 da mesma maneira que fez com o canudo 5.
Pegue uma das pontas do canudo 1 e comece a trançar, passando por baixo do canudo 2, por cima do 3, por baixo do 4, por cima do 5, por baixo do 6 e assim sucessivamente.

Quando o canudo 1 estiver quase todo trançado, pegue um novo canudo e emende nele para continuar a trançar.
Dica: encaixe a ponta do canudo novo por dentro ou por fora da ponta do canudo 1 (lembre-se que os canudos tem uma ponta mais justa que a outra).
Continue trançando até atingir o tamanho da cesta que você quer.
Dica: para fazer cestas mais altas você pode emendar novos canudos nos canudos da base ( 2, 3, 4, 5, 6 e 7).
Quando alcançar o tamanho desejado, faça os arremates escondendo as pontas que sobrarem.
Dica: passe verniz na cesta para impermeabilizá-la. Se preferir, use verniz incolor para depois poder dar um acabamento com tintas coloridas.

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Sabão de óleo de cozinha

Depois de usado, o óleo de cozinha pode ter dois destinos: dar uma enorme dor de cabeça e prejuízo para o seu bolso e para o meio ambiente ou se transformar em economia e, eventualmente, em receita extra.

O primeiro caso ocorre quando você descarta o óleo doméstico nos ralos e vasos sanitários. O acúmulo de gorduras nos encanamentos pode causar entupimentos, refluxo de esgoto e até rompimentos nas redes de coleta.

No segundo caso podemos transformar esse mesmo óleo em sabão, por exemplo.
Confira as receitas.

Receita 1
Ingredientes
- 5 litros de óleo de cozinha usado
- 2 litros de água
- 200 mililitros de amaciante
- 1 quilo de soda cáustica em escama
Preparo
Colocar, com cuidado, a soda em escamas no fundo de um balde. Em seguida, adicionar a água fervendo e mexer até diluir a soda. Acrescentar o óleo e mexer. Misturar bem o amaciante. Jogar a mistura numa fôrma e cortar as barras de sabão somente no dia seguinte.

Receita 2 (com aroma)

Ingredientes
- 4 litros de óleo comestível usado;
- 2 litros de água;
- ½ copo de sabão em pó;
- 1 kg de soda cáustica;
- 5 ml de óleo aromático de erva-doce ou outro a gosto.
Preparo
Esquentar a água. Separar meio litro e dissolver o sabão em pó nele. Dissolver a soda cáustica nos litro e meio de água restante. Adicionar lentamente as duas soluções ao óleo e mexer durante 20 minutos. Adicionar a essência mexendo bem, e despejar nas fôrmas escolhidas. Desenformar apenas no dia seguinte.

Oficina de brinquedos reciclados

Dica
Atividade Infantil
Sábado, 28 de novembro às 10h
Oficina de brinquedos reciclados com Brinque Lobinho

Local: Livraria Cultura Conjunto Nacional - Av. Paulista, 2073 - Loja 151 - Artes - Bela Vista - São Paulo/SP

*Enviado por Renata Bressan

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Decorações de Natal

Dica: Pegue umas bolas antigas, sem cor e aplique novos motivos natalinos.

Customilk

Mais de 100 artistas transformaram uma caixa de leite em toy art. O projecto Customilk tem o patrocínio da Tetra Pak e apoiado pela Escola de Design da Unisinos, de Porto Alegre, Brasil.

Consulte o blogue http://www.customilk.blogspot.com/


Marcador de Livro

Cole o botão ao clip, com super-cola ou cola quente. O clip transforma-se num acessório personalizado e até pode servir como marcador de livro. (fonte: belladia)


Tinta de terra

Ingredientes
Água
Terra (preta, vermelha ou marrom)
Cola branca

Modo de preparo
Em um recipiente, amoleça a terra com pouca água e acrescente a cola. A massa deve ficar com aparência de mingau mole.
Variações:
Ponha serragem ou pó de serra para adquirir textura.
* Enviado por Laura Nunes

Tinta de legumes e/ou verduras

Ingredientes
Água
Pedaços de beterraba ou couve

Modo de preparo
Bata no liquidificador o legume ou a verdura com pouca água. Não é necessário coar.
Variações:
Para obter uma massa mole, tipo meleca, acrescente farinha de trigo e óleo. Para conseguir efeito aquarela, acrescente água.
Ainda é possível engrossar a tinta. Coloque tudo em uma panela, acrescente amido de milho ou farinha de trigo à mistura e cozinhe até ficar com aparência de mingau. Poderá ser usada quando estiver fria ou morna.


*Enviado por Laura Nunes


terça-feira, 24 de novembro de 2009

Papel reciclado feito em casa

Materiais
um liquidificador
um varal
pregadores
uma bacia grande com aproximadamente 15cm de profundidade
uma esponja
uma peneira plana
pano de prato
uma pilha de jornais

Como fazer
Rasgue o papel a ser reciclado em pedaços de aproximadamente 3x3cm. Deixe-os de molho de um dia para o outro. Bata no liquidificador o papel que ficou de molho. Comece com 15 pedaços de papel para meio litro de água e aos poucos vá percebendo quanto papel pode ser batido ao mesmo tempo. (observe a quantidade de papel para o funcionamento do motor do liquidificador).
Meça a massa de papel e coloque-a na bacia com o dobro de água. Mexa bem e mergulhe a peneira.
Chacoalhe a peneira devagar, espalhando a massa por igual. Deixe o excesso de água escorrer da peneira em cima da bacia. Nesse momento, você pode acrescentar folhas, pétalas ou pedaços de papel colorido.
Inverta a peneira com a massa de papel em cima do pano de prato, que por sua vez está em cima de uma pilha de jornais. Prense com cuidado a esponja sobre a massa de papel, absorvendo toda a água possível. Levante a peneira pelas bordas. A massa de papel ficará aderida ao pano. Dobre o pano sobre a massa, embrulhando bem, e pendure-o num varal. O tempo de secagem pode variar de acordo com a umidade do dia (no mínimo 12 horas).
Retire do varal o papel embrulhado no pano de prato. Estenda sobre a mesa e descole com cuidado o papel seco do pano de prato.
Depois de pronto e seco, o papel pode ser cortado, decorado ou utilizado para fazer cadernos, blocos e cartões.



Geléia de casca de melão

Ingredientes
Casca de um melão médio
1 pauzinho de canela
2 cravos inteiros
açúcar
água

Modo de preparo
Lavar e cortar em pedaços a casca do melão (casca externa e branca) e levar para a cozinhar com água que as cubra inteiramente. Cozinhar até que se desfaça a parte branca.
Coar em pano limpo, fino, espremendo bem para tirar todo o suco. Para cada copo de suco obtido, juntar 1 copo de açúcar, acrescentar a canela e os cravos e levar novamente ao fogo para ferver até tomar o ponto da geléia.



segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Torta salgada de casca de abóbora com recheio de talos

Ingredientes
1 colher (sobremesa) de fermento em pó
1 xícara (chá) de talo de couve e salsa
3 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de casca de abóbora
1/2 pacote de queijo ralado(50 g)
1 copo de leite (250ml)
1 cenoura ralada
1/2 copo de óleo
1 cebola pequena
1 dente de alho
Sal a gosto
3 ovos

Modo de Preparar

Recheio

Refogar a cebola , o alho, os talos e a cenoura.

Massa
Colocar os ovos , a casca de abóbora, o óleo, o queijo ralado, o leite e o sal no liquidificador. Despejar a massa em uma vasilha e misturar o trigo, o recheio e o fermento em pó.
Levar ao forno por 30 minutos em fôrma previamente untada com margarina ou óleo e farinha de trigo.


Farofa de folhas e talos

Ingredientes
2 xícaras (chá) de farinha de mandioca torrada ou farinha de milho
2 colheres (sopa) de margarina ou óleo
2 colheres (sopa) de cebola ralada
Folhas ou talos bem lavados, picados e refogados
Sal a gosto.

Modo de preparo
Derreter a margarina ou o óleo e refogar a cebola até dourar. Juntar as folhas ou talos.
Acrescentar, aos poucos, a farinha de mandioca ou milho e o sal. Mexer bem.
Servir em seguida. Podem ser usados folhas de beterraba, rabanete, nabo, couve-flor, brócolis ou mesmo seus talos.

Pudim de pão velho

Ingredientes
6 a 8 pães amanhecidos tipo francês
4 ovos inteiros
3 colheres de açúcar (ou a gosto)
1 pacote de coco ralado.
1 colher de margarina
1/2 lata de leite condensado (opcional)
2 copos de leite integral tipo C

Modo de Preparo
Numa bacia, coloque os pães de molho com um pouco de água até ficar bem molinho.
Com as mãos esprema esses pães até obter uma massa tipo mingau; então, acrescente
todos os outros ingredientes (menos o coco ralado) e mexa bem.
Unte uma fôrma com óleo de soja, polvilhe farinha de trigo e despeje a massa.
Então, polvilhe com o coco ralado e leve ao forno a 250° por + ou - 25 minutos ou até dourar a parte de cima.






Doce de casca de maracujá

Modo de preparo
Lave 6 maracujás e descasque-os, deixando toda a parte branca e dura com água. Deixe de molho de um dia para outro. Escorra, coloque em uma panela com 2 xícaras de açúcar e 3 xícaras de água. Deixe apurar. Se desejar, acrescente canela.



Bolinho de casca de batata

Ingredientes
2 xícaras de casca de batata cozidas e batidas
2 xícaras de farinha de trigo
2 ovos
2 colheres de salsinha picada
Sal (o suficiente)
1 colher (sobremesa) de fermento em pó
Óleo para fritar

Modo de preparo
Ferver as cascas de batata e bater no liquidificador. Colocar a massa numa tigela, acrescentar os ovos, a farinha, o sal e o fermento. Misturar bem. Aquecer o óleo e fritar os bolinhos às colheradas.



Kri - kri de laranja

Modo de preparo
Cortar as cascas de laranja em tirinhas de meio centímetro.
Trocar de água até perder o amargo. Colocar uma medida de cascas de laranja, bem enxutas, para meia medida de açúcar.
Levar ao fogo, mexendo sempre. Quando começar a engrossar a calda, acrescentar o farelo e continuar a mexer até açucarar.
Guardar em latas

Chá com Casca de Abacaxi

Aproveitar as cascas lavando-as bem; se necessário use uma escova.
Coloque para ferver em um litro de água filtrada.
Quando a água ferver, apague o fogo e tampe a panela por 10 minutos.
Servir ainda quente no inverno ou gelado no verão.



Pega PET

É impressionante como as pizzarias estão relacionadas com algumas das soluções mais interessantes para o combate contra o desperdício. Já inventaram embalagens de pizza que podem virar jogos e quebra-cabeças. Já inventaram embalagens de material reciclado que servem como pratos, o que economiza água, detergente e plástico.

E agora, a pizzaria 1900, em São Paulo, criou o “Pega PET“. Eles pegaram uma tira de papel kraft e a modelaram no formato de um laço. Com isso, eles podem transportar garrafas de água, suco ou refrigerantes sem precisarem utilizar sacolas plásticas, que não são biodegradáveis nem feitas de material reciclado.



sábado, 21 de novembro de 2009

Reciclagem em cd

Materiais
-01 cd
-Biscut na cor branca
-Cola branca
-pó de mármore (pó de pedra)
-Lápis preto escolar
-Tinta relevo nas cores: verde, vermelho, branca, preto
-Tinta acrílica decorativa gato preto nas cores: cerâmica, azul mar, amarelo gema
-Pincel Condor: nº 0 série 408, nº 6 série 421, nº 8 série 421
-Tanquinho para lavar o pincel da condor
-Cola quente
-Papel toalha para limpar o pincel
-Pedrinhas de aquario colorida
-Fita de 0,5 cm de largura por 8 cm de comprimento

Modo de preparo
1- Tampar o furo do cd com o biscuit
2- Colar o pó de mármore com cola branca e deixar secar
3- Riscar o desenho com lápis escolar
4- Contornar o desenho com a tinta relevo e deixar secar
5- Pintar o desenho
6- Colar as pedrinhas com cola branca e deixar secar
7- Colar a fitinha com cola quente atrás do cd para poder pendurar


Preço de custo R$1,50


Reciclagem de Papel Sobre Tela

Material Necessário
01 tela caixa 0.30 X 0.30
Pincéis ns. 12 e 24 da série 815 TIGRE
Trincha média (pincel largo)
Recortes de folhas de revistas coloridas
Cola branca
Tintas acrílicas cinza, vermelho e branco
Tintas dimensionais preta
Régua e lápis

Como Fazer
Pegue uma tela caixa do tamanho de 0.30 X 0.30 e faça uma barra de 0.05 cm com o auxílio de uma régua e lápis. Com o pincel n.24, passe uma camada de cola branca neste barrado, inclusive nas laterais do mesmo.Comece a aplicação dos recortes de revistas, fazendo sobreposições dos mesmos e colando-os em várias direções, tamanhos e cores diferentes.
Desenvolva o mesmo processo de colagem nas laterais da tela. Durante a aplicação dos recortes, alternadamente aplique pequenas porções de cola branca, para dar maior fixação.
Na finalização da colagem, passe mais uma camada de cola branca sobre todos os recortes, causando uma impermeabilização completa.
Após secagem de aproximadamente seis horas, inicie a aplicação da tinta dimensional de cor preta em todos os limites dos recortes, inclusive nas laterais. Aguarde secagem de aproximadamente duas horas.
Passe a figura para a tela e com o auxílio do pincel n.24, comece a pintar, com a tinta acrílica cinza toda a tela, inclusive nas laterais, com exceção da imagem. Use o pincel n. 12 para pintar nas proximidades da figura.
Com o auxílio do pincel n.12, pinte o " coração" com a tinta acrílica da cor vermelha. Aguarde secagem de aproximadamente uma hora.
Repita o processo de aplicação de recortes de revistas no vasinho. Não esqueça de aplicar mais uma camada de cola branca, para causar a impermeabilização. Para finalizar a figura, aplique novamente a tinta dimensional da cor preta em todos os limites da mesma. Como sugestão, o " cabinho" também pode ser feito com tinta dimensional.
Pegue a trincha (pincel largo) juntamente com a tinta acrílica branca e passe suavemente no sentido horizontal sobre toda a tela, inclusive nas laterais, com exceção da figura, causando um efeito de " falsa pátina".


Porta Cartão de caixa de leite

video

Mosaico com casca de ovo

Materiais
Tinta Plástica Verde, Amarelo, Vermelho
Base acrílica para artesanato
Peça de madeira mdf african
Pincel n 10 serie 488
Pincel n 06 serie 426
Verniz
Casca de ovo

Modo de preparo
Passe a base branca e desenhe com lápis, pinte a casca do ovo nas cores desejadas.Quebre a casca de ovo com o auxílio de um palito de dente.Deixe secar de 2 a 3 horas e aplique uma de mão de verniz.


Luminária com casca de cebola

Material Usado
1 base para luminária de ferro
1 cartolina no tamanho da base de ferro
cola branca de rótulo azul
óleo de cozinha ou vaselina líquida
pincel macio
cascas de cebola (devem ser lavadas na água sanitária, misturada com água deixar secar por 24 horas).

verniz acrílico

Como fazer
A cartolina deve ser cortada na medidada base, com 2cm nas laterais para a emenda. Pincele bastante óleo na cartolina até ficartransparente e deixe secar por 24 horas. Passe cola branca com o pincel na cartolina já seca. Vá colocando as cascas de cebola comose estivesse emendando e passe cola por cima também das cascas. Depois de secar a cola branca por 24 horas, passe2 camadas de verniz acrílico, com intervalo desecagem de 24 hora de uma camada para outra, passe verniz também na parte de dentro. Finalizada a parte das secagens e montagemdo papel, envolva na base da lumináriacolando com cola branca. Para dar acabamento, use o furador de papele passe o fio de sizal, fixando o papel com a base de ferro.


Falso Jateado colorido

Materiais
Garrafa de vidro
Álcool
Verniz fosco
Tinta óleo rosa quinacridone
Pincel Condor série 416 nº 18
Pincel Condor nº 0
Pincel mousse Condor
Fita adesiva

Modo de preparo
Limpe a garrafa com álcool. Misture o verniz fosco com a tinta óleo. Com a fita adesiva, crie desenhos geométricos. Aplique em seguida o verniz já na cor desejada e aguarde a secagem ao natural. Quando ela ficar fosca, retire com cuidado a fita adesiva.
Falso Jateado no espelho
Materiais
Espelho com moldura
Pincel condor de cerdas macias
Verniz Fosco
Álcool
Pano de limpeza
Modo de preparo
Limpe a superfície a ser decorada c/ o alcool. Aplique c/ o pincel de cerdas macias uma quantidade generosa de verniz fosco.Aguarde a secagem ao natural,para obter o efeito jateado.


Vitral

Um vidro comum (de azeitona, maionese, etc) pode ficar bem bonito para você decorar a cozinha, o banheiro e até a sala de visita. É só usar algumas cores de tinta e soltar a imaginação.Trata-se de um trabalho de reciclagem de vidros.Quem nos ensina a técnica do vitral é o artesão Jéfferson Gabriel.

Material necessário
- Vidro com tampa
- Tinta verniz vitral de várias cores
- Pasta relevo preta
- Pincéis chatos números 6, 8 e 10
- Solvente para limpar os pincéis

Modo de fazer
Com a pasta relevo, comece a fazer os traçados: pode ser quadrado, retangular, o desenho que for de agrado.A tinta relevo preta demora 2 h para secar. Depois disso, você começa a pintar os quadrados com as tintas coloridas.Jéfferson dá uma dica importante: passe sempre de cima para baixo. Caso ele dê uma escorregadinha, passe o dedinho e limpe.Você vai preenchendo os quadrados e, cada vez que mudar de cor, não se esqueça de limpar o pincel com o solvente.Após aguardar a secagem da tinta e da pasta relevo por 4 h, a peça está pronta.

Porta-treco de fita crepe

Material necessário
- Miolos de fita crepe
- Cartolinas coloridas (no lugar da cartolina, você pode usar o E.V.A.)
- Papel-cartão
- Vareta de madeira
- Cola branca

Passo-a-passo
Encape os miolos de fita crepe com a cartolina e faça um fundo com papel-cartão, que é mais grosso. Encape também. Faça um furo no canto e passe a vareta de madeira. Repita esse processo com vários miolos (no caso são cinco). Faça o arremate na vareta, também com cartolina. E corte uma tampa com papel-cartão pra fechar o porta-treco.

Bijuterias com PET

Corte as garrafas plásticas, pinte-as e monte correntes e brincos. O charme e os acabamentos ficam por sua conta! Anote os materiais...

Custo aproximado para fazer esta peça: R$ 7,00

Materiais
- 1 garrafa PET (transparente)
- 1 tesoura
- 1 pincel (pequeno e com cerdas macias)
- Alicates (de bijuterias)
- 1 pirógrafo
- Verniz vitral nas cores: amarelo e vermelho
- Fio de náilon
- Argolas, fecho, tips e tarraxa
- 1 isqueiro
- Armação para brincos
- Pedras (de cascalho)

Dica Inicial - Antes de iniciar esta técnica, limpe bem as garrafas PET.Corte a base da garrafa PET.

Como fazer

1) Meça retângulos com 2,5 cm x 3 cm e corte cinco partes para compor a gargantilha.

2) Mergulhe o pincel nas tintas vitrais amarela e vermelha, pingue e espalhe sobre os retângulos cortados acima. Primeiro molhe o pincel com amarelo, depois com vermelho. Note um efeito manchado e aguarde secagem total.

3) Use o pirógrafo em temperatura baixa para fazer quatro furos nos retângulos à distância de 1/2 cm das pontas.
4) Corte 2 pedaços de fios de náilon com 50cm cada. Depois insira em um tip , dê um nó simples, queime a ponta com o auxílio do isqueiro e feche o tip com o alicate de ponta.
5) Inicie a montagem da gargantilha. Primeiro, insira os pedacinhos de cascalhos em 15 cm de fio duplo.
6) Separe, agora, os fios e monte 1 “v” com os pedacinhos de cascalho em mais 2 cm de fio de náilon.
7) Insira, então, os retângulos de PET pintados sob os fios de náilon.
8) Continue com os fios separados e vá intercalando os cascalhos e os retângulos pintados. Quando chegar na outra extremidade, junte novamente os fios e forme um outro “v” com 2cm.
9) Feche a gargantilha, dando um nó, colando o excesso, queimando a ponta, colocando o tip e virando-o com o alicate de ponta redonda, que deve ser usado para fixar a argola e o fecho. Do outro lado da gargantilha, fixe a argola e a corrente com o alicate de ponta.

Variação Exclusiva
1) Corte dois retângulos com 2,00 cm x 2,5 cm cada.
2) Pinte-os com as mesmas cores de verniz vitral sugeridas acima.
3) Fure os retângulos pintados nas pontas com o pirógrafo.
4) Corte 20 cm de fio de náilon e insira a armação dos brincos.
5) Insira primeiro 1 cm de cascalhos em fio duplo. Depois separe os fios e coloque mais 1 cm de cascalhos em cada fio, formando um “v”.
6) Insira os retângulos de PET, dispondo os fios separados sob os mesmos
7) Separe os fios, coloque três pedacinhos de cascalhos de cada lado, dê o nó, corte-o e queime-o. Assim, seu conjunto estará finalizado.

Porta-bijuteria de PET

Nas metrópoles é fácil verificar que a vida urbana tem diminuído a quantidade de verde, a conseqüência dessa despreocupação com o meio ambiente pode ocasionar grandes desequilíbrios ecológicos, que colocam em risco também a nossa qualidade de vida. Pense em uma forma de contribuir com o meio-ambiente. Uma boa idéia é a reciclagem e um outro bom começo é você plantar alguma espécie de planta no seu quintal ou mesmo num vasinho em sua varanda. Dessa forma, você já estará tendo uma atitude consciente e muito bela.
Abaixo, segue o passo a passo para a montagem dessa peça, que pode ser utilizada como porta-jóias ou como um porta-balinhas


Material
2 pet’s brancas diferentes
Tinta plástica nas cores: vermelha (tom escuro e claro), verde (tom escuro eclaro)
Tesoura
Estilete
Massa epoxi
Molde para folha

Modo de fazer
Separe as garrafas pet’s diferentes, entre fundo maior e fundo menor, recorte o fundo das duas e separe.
A garrafa de fundo menor, será à base da maçã e a de fundo maior a tampa, pinte-as com a tinta vermelha.
Com as partes da garrafa que sobrar, faça as folhas, para isso use o molde para folha e em seguida pinte de verde, como na figura.
Agora coloque as folhas presas no fundo que será a tampa da maçã, e pronto, basta encaixar as duas metades e seu porta-balas está pronto.


Papel reciclado

Material necessário
- Bandeja de ovos vazia
- 10 folhas de papel sulfite usadas
- 2 potes plásticos de 3 litros cada
- 10 litros de água
- Liquidificador
- 2 molduras de madeira de 30 X 40 cm (uma delas c/ tela presa c/ grampos)
- 1 bacia retangular grande, que caiba a tela com folga
- 1 rolo de macarrão
- Lençol velho ou 1 m2 de pano de saco
- 1 esponja
- 1 toalha

Passo-a-passo
Comece picando a caixa de ovos em pedaços pequenos. Vá colocando dentro de um dos potes com água para amolecer. É bom deixar de um dia para o outro. Faça o mesmo com as folhas de sulfite. Coloque 1 litro de água no liquidificador e ligue. Vá colocando os papéis que você picou alternando os dois tipos. Depois de bater, dilua a "polpa" de papel em oito litros de água na bacia grande. Coloque as duas molduras de madeira juntas, uma sobre a outra e mergulhe verticalmente na água, bem devagar. Vá deitando as molduras de forma que a parte com a tela fique para baixo. Depois de deixar mergulhada por alguns segundos, retire a tela vagarosamente. Incline as molduras para os lados para tirar o excesso de água. Em seguida, apóie e tire a moldura sem a tela. Vire a moldura onde se formou o papel sobre o lençol ou saco, o qual deve estar sobre a toalha. Retire o excesso de água com a esponja, pressionando levemente a tela. Tire a moldura, dando batidinhas na tela para soltar o papel. Coloque o outro pano em cima e passe o rolo de macarrão delicadamente. Tire o pano de cima e leve ao varal para secar. Num dia de sol demora de 2 a 3 horas para secar. Se estiver nublado, deixe de um dia para o outro. Depois de seco, retire o papel do pano e está pronto. Misture outros materiais e crie seu papel.

Além de preservar a natureza, você pode até ganhar um dinheirinho.


Cofrinho de PET

Material
01 garrafa plástica (pet)
Tiras de papel ( sugestão: embalagem de pão)
Cola Branca Acrilex
Tintas Tempera Guache Fantasia Metallic Acrilex
Tesoura sem ponta
Figura impressa ou fotocópia
Tintas Confetti Acrilex
Tintas Crystal Cola Jelly Acrilex
Tintas Dimensionais Brilliant Acrilex Pincéis ns. 18 e 20 da série 054 Acrilex


Modo de fazer
- Faça um pequeno corte no meio da garrafa
- Corte a embalagem de pão em tiras
- Espalhe cola branca e aplique as tiras em todas as direções
- Passe uma camada de base acrílica para artesanato
- Após secagem, aplique duas camadas de tinta tempera guache fantasia metallic, intercalando a secagem
- Recorte as figuras
- Passe uma camada de tinta confetti sobre a garrafa
- Aplique pequenas porções de cola, sobre os lugares onde serão colocadas as imagens
- Fixe as figuras
- Preencha-as com as tintas crystal cola jelly


Bandeja Papietagem

Não sabe o que fazer com aqueles jornais velhos encostados em casa? Transforme-os em bandejas, saladeiras e outros objetos originais com a técnica da papietagem:
Material
- Uma bandeja
- 1 copo de cola branca
- 1 colher (sopa) de gesso (estuque)
- 1 objeto de louça ou vidro, que servirá de molde
- Vaselina
- Jornal (cerca de 10 folhas picadas em quadrados de 5 cm)
- Pincéis Pequeno, Medio e Grande
- Tinta acrílica de diversas cores
- Verniz fosco
- 200 ml de água
- 1 (sopa) de vinagre
- 3 (sopa) de farinha de trigo
Massa - Modo de fazer
Misture a água, a farinha de trigo e o vinagre num recipiente. Leve ao fogo e mexa sem parar até ferver. A consistência devera ser a de uma papa. Espere arrefecer para poder utilizá- no seu trabalho.

DICA: em vez de utilizar a tesoura, rasgue os papéis com as mãos. As fibras ficarão mais soltas e fáceis de colar.

Como fazer
1) Espalhe a vaselina sobre a bandeja como se estivesse untando um tabuleiro para ir ao forno. Faça um creme com a cola caseira, a cola branca e o gesso. Alterne uma camada de creme com outra de papel picado sobre a bandeja. Repita o processo cinco vezes. Fique atenta para não deixar o papel enrugar.
2) Depois de seco, descole a papietagem da bandeja que serviu de molde utilizando uma espátula. Com o resto do creme e dos papéis, faça o acabamento das bordas, que sairão abertas da forma. Terminado o processo, a peça estará pronta. Pinte, em camadas uniformes, a base da bandeja com a tinta azul-turquesa.
3) Espere secar e solte a criatividade! Faça as figuras coloridas que pretender, utilizando o pincel Medio. Espere secar um pouco e contorne toda a figura que desenhou com o pincel Pequeno e tinta preta para o melhor acabamento na pintura.
4) Utilize tinta prata ou dourada para incrementar os detalhes. Finalize com finas camadas de verniz.



Latinhas Juninas

Materiais
- Lata reciclada
- Primer
- Tinta acrílica gato preto nas cores: marfim, vanilla, verde kilt, verde oliva, verde musgo, verde claro, vermelho, orange, laranja escuro,amarelo sol, marrom, bege,caramelo, azul claro, azul marinho, pele, flamingo, scarlet, preto e concreto
- Pinceis condor modelos chato nos. 2, 8, 12 e 18, modelo liner no. 0 e modelo chanfrado no. 07, 10 e 16
- Fita de algodão xadreza
- cores diversas
- Retalhos de tecido
- Arame galvanizado
- Tesoura
- Boleador
- Rolinho de espuma
- Verniz acrílico fosco
- Azulejo

Procedimento
Primeiramente raspe todos os pedaços de papel e resíduos de cola restantes no objeto.Lave bem a peça com água e sabão, seque-a e passe um pano torcido com vinagre antes de iniciar o trabalho. Espere secar por 1 dia. A peça deverá estar bem seca, evitando-se assim um possível enferrujamento e a total aderência do primer na peça.Passe uma demão de primer ou galvite bem uniforme e deixe secar por pelo menos 3 dias antes da pintura definitiva. Isso fará com que a pintura não descasque. Pinte a lata com duas demãos da base, intercalando a secagem entre as demãos.· Para a borda e fundo, utilizar o pincel antes do rolinho. Passar o desenho para a peça e pintar cada área com a cor adequada. Aguardar secagem e reaplicar uma nova camada.Com o pincel liner e a tinta orange, fazer o xadrez na parte superior do vestido e o pesponto com a cor verde oliva.Na parte inferior utilizar o pincel chato no. 2 ou liner para fazer as pétalas e a cor verde musgo para o cabo e folha.Os cabelos devem ser feitos com o pincel liner e as cores, marrom caramelo, preto e bege. Mescle as cores e intercale entre as pinceladas.Com o pincel chanfrado fazer todas as sombras do vestido, corpo e chapéu.Somente um lado das bandeirinhas terá sombra.Nas faixas superiores que contornam toda a lata, fazer a costura pé de galinha com o pincel liner e a cor preta.Depois de totalmente seco, para proteção da peça, aplique o verniz acrílico fosco.

Preço de Custo R$ 3,00

Caixa decorada de caixa de leite

Material
Uma caixa de leite ou suco ( Tetra Pack)
Cola branca ( Não diluída em água)
Base para artesanato
Papel de seda
Palha da costa
Pincéis de cerda dura para aplicar a cola
Pincel para pintar com a base para artesanato
Tesoura
Cordinha para as alças.


Procedimento
Lave muito bem a caixa com detergente ou sabão em pó e seque-a ao sol.
Depois de bem seca descole o fundo e abra bem o interior da caixa para limpá-la com um paninho embebido em álcool.
Feito isso retire a película protetora exterior da caixa com a ajuda de um estilete para você pegar uma ponta e ir descolando, puxe-a que ela vai soltando facilmente.
Reposicione o fundo da caixa e cole-o novamente ( coloque um peso dentro da caixa para poder fixar a cola do fundo durante a colagem)

Use a base para artesanato para deixá-la bem branquinha antes de colar o papel de seda, guardanapo ou pintura para decoupage de figura.
Nessa da foto foi usado o papel de seda amassado.
Amasse bem o papel de seda e depois cole-o na caixa com a cola branca espalhada com pincel de cerdas duras.
Não desamasse muito o papel na hora de colá-lo, pressione-o com delicadeza.

IMPORTANTE: Nunca use a cola em excesso ou com água, nunca molhe o pincel pois mancha

Faça dois furos em cada lado e fixe a alça dando um nózinho em cada lado da alça pela parte de dentro.
Após secagem total retire as rebarbas com uso de tesoura e na borda use a lixa de unha com cuidado para um melhor acabamento.

As flores da foto são feitas com uma tira de crepom dobrada e enrolada apertando-se a base para que abra em forma de cone, corta-se a base na hora de colar.
Cola-se com cola quente. O laço é palha da costa.

SUGESTÃO : Pode adornar com fuxicos, flores artificiais, laços de papel craft, folhas e sementes ou fazer decoupage de guardanapo ou figuras de papel e adornar com dimensional colorido a teu critério. Use a imaginação e boa sorte!!!




Bolsinha Caixa de Leite

Material
Caixa de longa vida
Papel Kraft natural
02 sépalas (flor do coco verde)
Hastes de coqueiro
Papel sulfite ou qualquer papel liso
Corda (sisal)
Palha da costa tingida
Cola quente
Cola branca
Rolinho de espuma
Pincel
Bandeja de isopor
Tesoura
01 objeto pontudo


Modo de Fazer
Abra a parte superior da caixa e corte a borda superior no local onde já existe a própria dobradura.
Forre a caixa com o papel branco para eliminar os caracteres impressos. Coloque a cola na bandejinha de isopor para passar o pincel, a mão esquerda (destros) dentro da caixa e passe a cola com o rolinho. Ponha o papel e passe a mão para aderir bem. Vá contornando toda a caixa.
No fundo da caixinha, use o pincel para colar. Deixe secar por 10 minutos.
Amasse e desamasse três vezes o papel, para obter um bonito efeito.
A medida do papel é de 32cm x 21cm.
Comece a revestir pela metade da lateral menor, deixando 1cm para o acabamento.
Passe a cola e coloque a folha já posicionada.
Caixa posta sobre o papel.
Após colar todas as laterais, passe o rolinho para o acabamento no fundo. Passe a cola e faça a finalização como se estivesse embrulhando um presente.
Finalize a parte superior com a sobra de 1cm de papel e passe a cola com o pincel.
Pegue a palha da costa, acerte cerca de 08 fios, faça um laço simples, acerte bem o laço. Com a cola quente, fixe o laço na posição sugerida.
Corte os excessos da palha.
Cole as hastes do coqueiro, no centro do laço.
A seguir, corte as hastes da cépala do coqueiro.
Cole as hastes.
Procure a melhor posição para colar as flores com a cola quente.
Corte 02 cordinhas de 33 cm cada.Calcule o local que vão ser feitos os furos: 1,5 cm de altura e 02 cm na largura. Faça esta marquinha a lápis, de cada lado da caixinha.
Com algum objeto pontiagudo (use com cuidado!) faça os 04 furinhos.
Passe as cordinhas e dê um nó para fixá-las. Faça isso nas 04 pontinhas.
Veja na foto como as alcinhas ficam estranhas...
Para posicioná-las bem retinhas, passe cola quente nas laterais.

Pronto, sua caixinha está linda!


Cortina de hashis


Na cozinha oriental, os hashis correspondem aos talheres. São aqueles dois palitos de madeira presos entre os dedos que levam à boca as delícias da comida japonesa. A maioria dos hashis usados vira lixo. Mas, a ONG Mundaréu, teve uma idéia para reciclar os palitos.


Material necessário
- Cerca de 360 hashis
- 1 metro de chita
- Cola branca diluída em água, em proporções iguais
- Pincéis- 1 varão de madeira de 82 cm x 1,5 cm
- 1 molde feito em papelão com 80 cm x 6 cm, cortado em um dos lados a cada 2 cm, formando um tipo de franja com 40 dentes


Modo de fazer
A primeira etapa é engomar parte do tecido para que não desfie. Com o pincel, passe goma, que é a cola diluída em água.

Na segunda parte, pegue uma faixa de tecido já engomada de 90 cm de comprimento por 18 cm de largura. Dobre a faixa ao meio no avesso, coloque o gabarito em cima, encostando na dobra, e risque com lápis.

Depois, corte com cuidado bem em cima do traçado. Corte uma tira do tecido, de 2,5 cm de largura. Corte quadradinhos de 4 cm. Você vai precisar de muitos quadradinhos. Em seguida, marque os hashis nas duas pontas, 1,5 cm de cada lado. Passe cola e ponha sobre o quadradinho de tecido, sempre deixando 1 cm livre. É importante que as extremidades dos hashis sejam diferentes. O tecido é enrolado nos palitos e fica bem coladinho depois de seco. Com essa técnica, são feitas as tiras da cortina. Para o tamanho médio, você vai usar 40 tiras. Com um retalho menor, faça o acabamento da ponta da tira. É só passar cola branca no último hashi.

Agora, faça o suporte da cortina. Passe cola no avesso, mas só nas pontas do tecido. Passe cola também nas pontinhas do lado direito do tecido. Mas, só numa lateral. Pegue uma tira e passe cola na extremidade mais estreita do palito. Coloque num dente do tecido, enrole e espere secar um pouco. Para ficar bem preso, faça o mesmo com a outra parte. Dobre o tecido e enrole o recorte na ponta dos palitos. Repita este processo com as tiras de hashis. Para terminar, coloque o bastão no centro do tecido.


Custo total: R$ 8,00